O Pai espera você voltar

 

Imagem de jplenio por Pixabay 


O filho foi, deixou o pai
E partiu sem olhar para trás

O mundo chamou e se foi, tchau
As novinhas, as bebidas, as narguineles
A esquina a 2 metros do seu quintal
Demorou né, pulou, vai pagar pra ver
No começo foi top top top
Só saía com as top top top
Toda grana que entrava gastava na night
Pagava rodada no shopping
Tava sempre cercado de amigo
Tava sempre cercado de amiga
Valorizado não pelo que era
E sim, por aquilo que tinha

Os amigos sumiram
O que tinha acabou
Foi ai que lembrou de tudo que tinha e não valorizou
Em troca de uns momentos
Quem te amava você desprezou

Toda escolha trás um resultado
A família sumiu a vida te ensinou
Essa história tem se repetido
As pessoas se afastam de Deus
Escolhendo não serem mais filhos
Pra viver o que o mundo prometeu

Uns presos no álcool
São escravos do copo
O filho já tem 8 anos
E faz 4 anos não vê o pai sóbrio
O amor que ele tinha a bebida roubou
O seu filho não tem mais abraço
O pai chega em casa chapado e xingando
A família cansada se tranca no quarto

E o pecado dizendo vai
Mete o loco, vai que vai
Até sua mulher achar outro cara
E seu filho chamar outro homem de pai

Você não quis ser mais filho
E partiu sem olhar para trás
Mas o pai, mas o pai
Nunca pensou em deixar de ser pai

Você não quis ser mais filho
E partiu sem olhar para trás
Mas o pai, mas o pai
Nunca pensou em deixar de ser pai

Cada passo que dava
Mais pra longe do pai você ia
Em busca da alegria
Que quanto mais longe cê tava
Menos cê sentia
Pois teve na presença um dia
Não tem como esquecer
Pois quem já pisou no santo dos santos
Em outro lugar não sabe viver

A distância não faz mais sentido
Tem saudades do pai
Essa história do filho perdido
Quer voltar, então vai
Desde o dia que você partiu
O pai espera cê voltar
Nessa história você que sumiu
O pai não deixou de te amar
Teve motivo, mas não desistiu
Ele escolheu perdoar
Amor igual você nunca viu
Até procurou impossível achar
Perto do pai o que você sentiu
Não vai sentir em outro lugar
Fala pra mim o que cê decidiu
O pai decidiu te abraçar

Você não quis ser mais filho
E partiu sem olhar para trás
Mas o pai, mas o pai
Nunca pensou em deixar de ser pai

Você não quis ser mais filho
E partiu sem olhar para trás
Mas o pai, mas o pai
Nunca pensou em deixar de ser pai

Você não quis ser mais filho
Mas o pai, mas o pai
Nunca pensou em deixar de ser pai

Você não quis ser mais filho
Mas o pai, mas o pai
Nunca pensou em deixar de ser pai.




Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem