Quem É?

By Leila Maria - março 19, 2014



Distorções, medos, e juras
Pesadelos e agrurias
Desafios que a vida me impôs
Me perdendo em incertezas
Consumindo a minha mente
A plenitude que existia entre nós dois

Foi corroendo feito traça
Da madeira fez fumaça
Destruindo feito fogo no capim
Me disse "adeus" e nunca mais olhou pra trás
Evaporou o seu amor dentro de mim

Quem é que vai me amar naquelas noites
Devolver aquilo tudo que era meu, perdi a graça
Quem é que vai trazer de volta o meu sorriso
O doce daqueles beijos que eram meus
Que você me prometeu



  • Share:

You Might Also Like

0 comentários